Presidente da Fifa diz que futebol mudará para melhor: “Mais solidário e menos arrogante”

“O futebol vai voltar, e quando voltar nós vamos celebrar juntos o fim de um pesadelo”, afirma Gianni Infantino”

O coronavírus virou o futebol (e o mundo obviamente) de cabeça para baixo. Torneios suspensos e até cancelados por causa da pandemia. Mas, na opinião de Gianni Infantino, presidente da Fifa, toda esse crise pode transformar o futebol em algo melhor.

– O futebol vai voltar, e quando voltar nós vamos celebrar juntos o fim de um pesadelo. Tem uma lição, no entanto, que todos devemos entender: o futebol que virá após o vírus será totalmente diferente… Mais inclusivo, mais social e mais solidário. Conectará os países e se tornará menos arrogante e mais receptivo – afirmou Infantino, em entrevista à agência de notícias italiana “Ansa”.

– Será melhor, mais humano e mais atento aos valores de verdade – completou.

Gianni Infantino Fifa — Foto: ReutersGianni Infantino Fifa — Foto: Reuters

Gianni Infantino Fifa — Foto: Reuters

Por GloboEsporte.com e agências de notícias — Nyon, Suíça

–:–/–:–